II RALLY DE INVERNO SEGUE DISPUTA NESTE DOMINGO

II RALLY DE INVERNO SEGUE DISPUTA NESTE DOMINGO

As especiais deste sábado foram marcadas por trechos técnicos e rápidos. Evento conta pontos para os campeonatos brasileiros de Rally Baja e de Velocidade

342197_809323_img_6133

Nos carros, Ulisses Bertholdo e Eduardo Soneca foram os vencedores do dia – Foto: Edson Castro

Terminou na tarde deste sábado a primeira etapa do II Rally de Inverno, que acontece neste final de semana em Lençóis Paulista. Carros, motos e UTVs completaram os primeiros quilômetros de trechos cronometrados da prova válida pela 7ª e 8ª etapas do Campeonato Brasileiro de Rally Baja, supervisionado pela Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM), e pela 3ª etapa do Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade, controlado pela Confederação Brasileira de Automobilismo. A prova deste sábado foi marcada por trechos de alta velocidade e que exigiu muita técnica dos participantes,

Na geral dos carros, Ulisses Bertholdo e Eduardo Soneca, do carro 14, foram os vencedores do dia, com o tempo de 34min36seg. Na sequência, vieram Fábio Dall´Agnol e Marcelo Dalmut (#17), com 34min38seg, além de Luiz Facco e Francis Herrero (#10), com 35min32seg, na segunda e terceira posições, respectivamente. “Começamos, meio perdidos, sem ritmo de prova, mas melhoramos no decorrer do dia. Tivemos um susto no início do terceiro trecho da especial, em um salto rápido, e no final andamos a 205 km/h. Eu estive parado por um tempo e andar em um rali rápido assim bastante exigente. Mas foi um dia bem legal”, avalia o piloto Ulysses Bertholdo.

Nas motos, Elias Folly (#12) levou vantagem, ao completar o percurso do dia em 01h29min27seg. Na segunda posição, com quatro minutos de diferença, ficou Manoel Malassise Neto (#14), com 01h33min27seg. Rodrigo Khezam (#5) conquistou o terceiro lugar, com o tempo de 01h35min37seg. “Especial de hoje foi bem rápida, muito gostosa. Como sempre, estava muito bem sinalizada, impecável. Amanhã é outro dia e vamos acelerar de novo para assegurar a posição, largar bem e colocar um ritmo seguro, sem cometer erros”, declarou André Folly, líder das motos.

Três segundos separam os dois primeiros colocados das UTVs. André Hort (#103) completou o trecho do dia em 01h18min02seg, seguido de perto por Rodrigo Varela (#102), que fez a prova em 01h18min05seg. Cristiano Batista (#115) teve o terceiro melhor tempo, com 01h19min10seg.

“Gostei muito da prova com percursos variados e técnicos. O UTV aguentou bem, agora é revisar e se resguardar para amanhã. Vamos tentar andar no mesmo ritmo e garantir o título do Rally de Inverno”, confia Hort.

Eduardo Birkman fez o melhor tempo do dia entre os quadriciclos – 01h39min31seg -, pouco menos de um minuto a mais que seu concorrente, Geison Belmont, que finalizou com 01h40min18seg.

Neste domingo, a partir das 6h30, as máquinas e seus pilotos partem para a segunda parte da prova. Depois de 24 quilômetros de deslocamento inicial, a especial do dia contará com 112 quilômetros de desafios.

A prova – O roteiro tem 162 quilômetros de trechos cronometrados, incluindo os deslocamentos. O abastecimento acontece no quilômetro 58, cronômetro fechado, nos dois dias de prova. O percurso é o mesmo do sábado para o domingo. O parque de apoio para as equipes, assim como o briefing, secretaria de prova, largadas, chegadas e a premiação, estão concentrados no Recinto Facilpa, em Lençóis Paulista/SP. A visitação é aberta e gratuita ao público.

O II Rally de Inverno será válido pela 7ª e 8ª etapas do Campeonato Brasileiro de Rally Baja e para a 3ª etapa do Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade, com supervisão da CBM – Confederação Brasileira de Motociclismo, CBA – Confederação Brasileira de Automobilismo e da FASP – Federação de Automobilismo de São Paulo.

A prova é uma realização da Prefeitura Municipal de Lençóis Paulista – Cidade do Livro, através das Secretarias de Esportes e de Turismo, Facilpa e Arena Promoções e Eventos.

Resultados do primeiro dia de disputas do Rally de Inverno:

CARROS
1) 14 Ulisses Bertholdo / Eduardo Soneca, Mit. Lancer Evo X, Palmeirinha Rally/Ub Rally, 34min36seg
2) 17 Fábio Dall´Agnol / Marcelo Dalmut, Mitsubishi Lancer, ACSA Rally Team, 34min38seg
3) 10 Luiz Facco / Francis Herrero, Peugeot 208 Maxi Rally, Acelera Siriema, 35min32seg
4) 77 Sandro Suptitz / Eduardo Ortolan, VW Gol, Rally Cascavel Motorsport, 39min02seg
5) 610 Emerson Destro/Sérgio Avallone, Peugeot 207, Da Terra – Equipe De Rally, 39min31seg

MOTOS
1) 12 Elias Folly, (1)SPD, 01h29min27seg
2) 14 Manoel Malassise Neto, (1)MAR, 01h33min27seg
3) 5 Rodrigo Khezam, Yamaha TTR 230, Yamaha Racing, (1)NAC, 01h35min37seg
4) 7 Fernando Cardoso, Husqvarna, Retta Rally Team, (2)MAR, 01h37min35seg
5) 9 Cesar Bogo, KTM EXC-F 350, (3)MAR, 01h38min33seg

QUADRICICLOS
1) 20 Eduardo Birkman, Yamaha Raptor 700, Thunderkids, (1)QDA, 01:39:31.8
2) 19 Geison Belmont, Brp Renegade 1000, Meikon Rally Team, (2)QDA, 01:40:18.9

UTVS
1) 103 André Hort, Maverick Can-Am X3, MH Racing, (1)UPE, 01h18min02seg
2) 102 Rodrigo Varela, Maverick Can-Am X3, (2)UPE, 01h18min05seg
3) 115 Cristiano Batista, Maverick Can-Am X3, Transmáquinas Racing/Casarini, (3)UPE, 01h19min10seg
4) 110 André Correa , Maverick Can-Am X3 XRS, Motorchel, (1)UPR, 01h19min30seg
5) 101 Bruno Varela, Maverick Can-am X3, Divino Fogão Rally Team, (4)UPE, 01h20min27seg

PROGRAMAÇÃO – RALLY DE INVERNO

22/07 – Domingo – 2ª Prova
06h00 às 6h30 – Secretaria de Prova
06h30 – Largada do 1ª carro no parque de apoio
07h00 – Largada do 1ª carro na especial
09h41 – Relargada do 1ª carro na especial
10h30 – Largada 1ª Moto no parque de apoio – Facilpa
11h00 – Largada 1ª Moto na especial.
15h30- Premiação – Facilpa

FICHA TÉCNICA – RALLY BAJA
Deslocamento Inicial – 24 Km
Tamanho da Especial – 112 Km
Deslocamento Final – 26 Km
Abastecimento Km 58

Fonte: Consultoria e Assessoria de Comunicação | SIG Comunicação

 

Anúncios
Publicado em Competições, Rally | Marcado com , | Deixe um comentário

SBK: TOM SYKES DEIXA A KAWASAKI NO FINAL DA TEMPORADA

SBK: TOM SYKES DEIXA A KAWASAKI NO FINAL DA TEMPORADA

04857-r7-ambienceEm comunicado oficial, a marca verde fez saber que no final da presente temporada do Mundial de Superbikes, Tom Sykes deixará de ser piloto da equipe. Chegará assim ao fim uma relação que começou em 2010 e que teve como ponto alto a conquista do título mundial em 2013. Nos últimos quatro anos, Sykes tem vivido na sombra do seu colega Jonathan Rea, que tem dominado a categoria.

“Sinto que a minha hora de sair chegou. Este é o momento em que tenho de procurar novos desafios. O momento para esta decisão nunca é fácil e é especialmente difícil, pois a minha vida pessoal irá sofrer grandes alterações. Sinto que dei tudo ao serviço da Kawasaki e que atualmente sou um melhor piloto do que quando cheguei à equipe. Tenho a experiência de vencer. Até ao final da época vou estar focado em tentar terminar no pódio as corridas que restam. Quero desfrutar do momento e aproveitar o fato da especulação sobre o meu futuro ter terminado. Sinto que tirei um peso dos meus ombros”, disse Tom Sykes.

Quanto ao futuro do ainda piloto da Kawasaki os rumores apontam para um possível regresso à Yamaha, equipe que representou em 2009, enquanto a sua vaga na marca verde poderá ser ocupada pelo regressado Leon Haslam.

Fonte: https://www.motosport.com.pt | Alexandre Melo

 

Publicado em Competições, Motociclismo | Marcado com | Deixe um comentário

MARATONA INFANTIL | 22 DE JULHO, DAS 10H ÀS 17H | GRÁTIS

unnamed (15)

Imagem | Publicado em por | Marcado com | Deixe um comentário

EWC: GMT94 YAMAHA ABANDONA

EWC: GMT94 YAMAHA ABANDONA

34882910-10155306081381644-6571609892015046656-nA GMT94 Yamaha, atual campeã do mundo de resistência por equipes, vai deixar o Mundial de Resistência no final da presente temporada, que termina no próximo dia 29 de julho com a realização das míticas “8 Horas de Suzuka”.

Esta decisão foi anunciada através de um comunicado oficial da formação liderada por Christophe Guyot, antigo piloto de resistência e que ao longo destes anos construiu uma das melhores equipes de endurance.

Para a história ficam 17 vitórias em eventos do Mundial bem como três títulos mundiais que podem ainda passar a quatro, caso a equipe gaulesa seja bem sucedida em Suzuka com Mike di Meglio, Niccolò Caneppa e o eterno David Checa aos comandos da R1.

“O motociclismo de alto nível necessita de equipes que treinem e de jovens pilotos que queiram chegar ao topo. Esse é objetivo do nosso compromisso, que passará por combinar experiência com juventude. Depois de três títulos mundiais e cinco vicecampeonatos, vamos começar do zero numa disciplina igualmente desafiante e apaixonante. Todos os nossos patrocinadores vão nos acompanhar nesta nova aventura. Juntos, vamos construir uma equipe que permita vencer um campeonato internacional tal como fizemos na resistência. Contudo, para já o nosso objetivo é dar aos nossos pilotos as melhores condições para serem bem sucedidos em Suzuka”, disse Christophe Guyot.

Além da presença no Mundial de Resistência, a GMT94 Yamaha regressou este ano às competições de ‘sprint’ com a presença no Mundial de Supersport, ainda que esta tenha vindo a ser muito discreta.

Apesar deste cenário, resta esperar pelos próximos tempos para saber qual será o novo projeto que esta equipe terá em mãos a partir de 2019. Os rumores apontam para um reforço da presença no Mundial de Supersport.

Fonte: https://www.motosport.com.pt | Alexandre Melo

 

Publicado em Competições, Motociclismo | Marcado com | Deixe um comentário

MXGP: PORTUGAL NO CALENDÁRIO PROVISÓRIO DE 2019

MXGP: PORTUGAL NO CALENDÁRIO PROVISÓRIO DE 2019

240575-mxgp-of-indonesia-pangkal-pinang-round-12-e1530790495213Foi divulgado o calendário provisório para a próxima temporada do Mundial de Motocross (MXGP). Para 2019 o roteiro das provas apresentado pela Youthstream, entidade promotora do campeonato, conta novamente com 20 etapas e passagem por três continentes (Europa, América e Ásia).

De fevereiro a setembro está prevista uma autêntica volta ao mundo para pilotos e equipes, onde as grandes novidades são a inclusão da China e Hong Kong. Ainda não está definido o local do início do campeonato ao passo que a derradeira jornada será disputada tal como este ano em Ímola, Itália.

E pelo terceiro ano consecutivo o Grande Prêmio de Portugal faz parte deste lote restrito com a prova já marcada para o fim de semana de 14 e 15 de setembro em Águeda. O evento luso será o 19º e penúltimo da temporada, o que é uma grande mudança em relação a 2018, onde a prova portuguesa foi a quinta e foi disputada em abril. No cardápio estão também previstas as competições da categoria Feminina e do EMX250.

Além do calendário do Mundial também foi informado o local da edição de 2019 do Motocross das Nações. Pela primeira vez desde 2004 o prestigiado evento visitará a Holanda, em Assen, numa pista montada na reta de chegada do mítico circuito de motociclismo de velocidade.

Calendário provisório:

calendario

Fonte: www.motosport.com.pt | Alexandre Melo

 

Publicado em Competições, Motocross | Marcado com | Deixe um comentário

BRASILEIRO DE ENDURO DE REGULARIDADE – FINAL EM VIANA (ES)

BRASILEIRO DE ENDURO DE REGULARIDADE
FINAL EM VIANA (ES)

Equipe Honda Racing está confirmada com os pilotos mineiros Dário Júlio, líder absoluto da categoria Over 40, e Tunico Maciel,
na briga pelo título da Master

erbr_neves_20180623_dario julio_7I7K6670

Dário Júlio vai em busca de seu quarto título brasileiro – Foto: Dario Savastano/Mundo Press

É chegada a hora da definição dos campeões do Brasileiro de Enduro de Regularidade na temporada 2018. Serão disputadas neste fim de semana (21 e 22 de julho) na região de Viana, no Espírito Santo, as últimas quatro etapas (21ª, 22ª, 23ª e 24ª) do campeonato nacional, com a possibilidade da equipe Honda Racing faturar dois troféus. O piloto Dário Júlio é líder absoluto da categoria Over 40, enquanto Tunico Maciel está na briga direta pelo título da Master.

O Viana Adventure 2018 terá como base a Praça Expedicionária Jerônimo Leite, em Viana, e cruzará os municípios de Cariacica, Domingos Martins, Marechal Floriano e Santa Leopoldina. O roteiro passa pelas trilhas e estradas rurais da região. O piloto Dário Júlio está muito perto de conquistar seu quarto título brasileiro – o primeiro na categoria Over 40, já que foi tricampeão da Master entre 2007 e 2009. O mineiro soma 166 pontos de vantagem sobre Clécio Hiert, o segundo colocado na tabela da Over 40.

“Eu fiquei muito tempo sem disputar o Brasileiro de Enduro de Regularidade. A última vez que tinha disputado o campeonato completo havia sido em 2009, quando fui campeão da Master. Ter a possiblidade de ser campeão logo no primeiro ano de minha volta é muito especial para mim”, afirmou. Por estar disparado na liderança, Dário Júlio avalia que o título já possa ser garantido no primeiro dia de prova, quando serão disputadas duas etapas. “Se eu fizer duas boas etapas, eu já fecho. Mas quero ser campeão vencendo todas as provas, isso aí eu ainda não tenho em meu currículo”, completou.

Além de disputar o Brasileiro da modalidade na categoria Master, Tunico Maciel é piloto de Rally Cross Country da equipe Honda Racing e está na reta final dos treinamentos para a disputa do Rally dos Sertões, principal prova do calendário nacional. “O Rally dos Sertões é muito importante na temporada, então preciso ter cautela, não posso me arriscar. De qualquer forma, estou bastante confiante. Quero ir para Viana, fazer meu trabalho bem feito e trazer o título para casa”, completou o piloto.

Ele está em segundo lugar na tabela da categoria Master, 31 pontos atrás do capixaba Jomar Grecco (sem considerar os descartes permitidos por regulamento no final do campeonato). Esta é a primeira temporada que Maciel disputa todas as etapas do Brasileiro de Enduro de Regularidade. “É uma motivação a mais ter chances de ser campeão na minha primeira temporada. Estou muito feliz por chegar no Enduro de Regularidade e ver que estou apto a batalhar de igual para igual com grandes nomes da modalidade”, concluiu.

Fonte: Mundo Press – Assessoria de Imprensa | Ângela Monteiro / André Carvalho

 

Publicado em Competições, Enduro | Marcado com | Deixe um comentário

RALLY DOS SERTÕES CRIA O “SERTÕES FESTIVAL”

RALLY DOS SERTÕES CRIA O “SERTÕES FESTIVAL”

O Rally dos Sertões inovou mais uma vez e criou para a prova desse ano o “Sertões Festival”, que vai reunir várias atrações gratuitas ao público no autódromo internacional Ayrton Senna, em Goiânia

341991_808701_2017_08_20__rs17_magnustorquato_011195

Rally dos Sertões terá disputa acirrada nos Carros – Foto: Magnus Torquato/Fotop/Vipcomm

A 26a. edição do Rally dos Sertões será disputada de 18 a 25 de agosto entre a capital de Goiás e Fortaleza. A competição também passará pela Bahia e Piauí. O roteiro terá cerca de 3.600 quilômetros no total.

E para comemorar a edição 2018 e se aproximar ainda mais do público e dos fãs da velocidade e da aventura, a organização do evento anuncia a criação do “Sertões Festival”. Trata-se de uma série de ações inovadoras para entreter o público. O Sertões Festival irá acontecer no sábado, dia 18 de agosto, a partir do meio-dia no autódromo goiano. E tudo com entrada franca.

A programação é extensa e tem diversão e atrações de sobra para todos os gostos: corrida de rua, show de manobras radicais com motos, tomada de tempo dos veículos competidores e a super largada, quando todos os participantes do Sertões subirão uma rampa e serão apresentados ao público, um a um. E para repor toda a energia, vários food trucks estarão à disposição.

“Não faltarão atividades de entretenimento para o público, pilotos e equipes. Famílias inteiras poderão acompanhar toda a movimentação das equipes e chegar perto das máquinas”, afirma Roque Mendes, diretor comercial da Dunas Race, empresa organizadora do Rally dos Sertões.

O Rally dos Sertões terá as categorias Motos, Quadriciclos, UTVs e Carros, além da Regularidade e expedições de passeio.

Porta de entrada

Um dos maiores ralis do mundo, o Rally dos Sertões oferece oportunidades para quem quer se iniciar no universo de competições off-road. Há três anos, a categoria CRF 230F, motocicleta nacional da Honda, traz novos participantes, que contam com menor custo, segurança e bom desempenho do equipamento.

Uma das novidades deste ano, a categoria “Self” é destinada aos pilotos de motos que não têm equipes de apoio e contarão com uma assistência coletiva. Cada um fará a manutenção na sua própria moto e poderá levar apenas uma caixa de ferramentas, algumas peças, rodas, pneus, barraca e itens pessoais.

Entre os carros, o rali de regularidade cumpre o papel de atrair novos aventureiros à disputa. O trajeto é diferenciado e a categoria conta com uma equipe exclusiva.

Para quem quer apenas curtir um passeio, as opções são as expedições tanto de carro como de moto, como a Honda Africa Twin Expedition, que acontecem paralelamente à prova. É uma forma de ver de perto a passagem dos competidores e também aproveitar as atrações turísticas dos locais.

Inscrições

Ainda dá tempo para garantir a vaga no Rally dos Sertões 2018. A terceira e última fase das inscrições vai até o dia 1º de agosto. Mais informações no site oficial www.sertoes.com ou pelo e-mail sabrina@dunas.com.br e telefone (11) 4191-0133.

Roteiro do Rally dos Sertões 2018

Sábado (18/08)
Prólogo e Largada Promocional
Goiânia

Domingo (19/08)
1ª Etapa
Goiânia (GO) – Formosa (GO)
Deslocamento Inicial – 250 km
Trecho Especial (Cronometrado) – 300 km
Deslocamento Final – 140 km
Total do dia: 690 km

Segunda (20/08)
2ª Etapa
Formosa (GO) – Posse (GO)
Deslocamento Inicial – 29 km
Trecho Especial (Cronometrado) – 307 km
Deslocamento Final – 50 km
Total do dia: 386 km

Terça (21/08)
3ª Etapa
Posse (GO) – Luís Eduardo Magalhães (BA)
Deslocamento Inicial – 24 km
Trecho Especial (Cronometrado) – 255 km
Deslocamento Final – 71 km
Total do dia: 350 km

Quarta (22/08)
4ª Etapa
Luís Eduardo Magalhães (BA) – Barra (BA)
Deslocamento Inicial – 123km
Trecho Especial (Cronometrado) – 355 km
Deslocamento Final – 0
Total do dia: 478 km

Quinta (23/08)
5ª Etapa
Barra (BA) – São Raimundo Nonato (PI)
Deslocamento Inicial – 0km
Trecho Especial (Cronometrado) – 400 km
Deslocamento Final – 46km
Total do dia: 446 km

Sexta (24/08)
6ª Etapa
São Raimundo Nonato (PI) – Juazeiro do Norte (CE)
Deslocamento Inicial – 39 km
Trecho Especial (Cronometrado) – 226 km
Deslocamento Final – 338 km
Total do dia: 603 km

Sábado (25/08)
7ª Etapa
Juazeiro do Norte (CE) – Fortaleza (CE)
Deslocamento Inicial – 166 km
Trecho Especial (Cronometrado) – 200 km
Deslocamento Final – 288 km
Total do dia: 654 km

Total geral: 3.607 km

O Rally dos Sertões é organizado pela Dunas Race e tem apoio institucional do Detran Goiás, Estado de Goiás, Secretaria de Turismo de Fortaleza, Prefeitura de Fortaleza e Conselho Nacional do SESI.

Fonte: Vipcom

 

Publicado em Competições, Rally, Sem categoria | Marcado com , | Deixe um comentário