MOTO3 – SEGUNDA ETAPA: MARCO BEZZECCHI VENCE EM TERMAS DE RIO HONDO

MOTO3 – SEGUNDA ETAPA: MARCO BEZZECCHI VENCE EM TERMAS DE RIO HONDO

marcobezzecchi

A corrida de Moto3 do Grande Prémio da Argentina, segunda etapa do Mundial, revelou ma luta intensa pelos lugares do pódio, com exceção do lugar mais alto, onde Marco Bezzecchi (Redox PruestelGP), liderou do inicio ao fim.

Na largada Bezzecchi assumiu o comando da corrida surpreendendo Tony Arbolino (Marinelli Snipers Team), que saindo da pole foi incapaz de imprimir o melhor ritmo sobre seus adversários. Atrás de Marco Bezzecchi surgia Enea Bastianini (Leopard Racing) e  Gabriel Rodrigo (RBA BOE Skull Rider).

Já Jorge Martin (Del Conca Gresini Moto3), que decidiu montar pneus slicks, entre a volta de apresentação e a largada, acabou por sair dos boxes, atrasando-se assim na luta pelos lugares da frente.

Contudo Fabio Di Giannantonio (Del Conca Gresini Moto3) acabaria por chegar ao segundo lugar no decorrer da segunda volta. Com a intensa luta pelo lugar do meio, lucrou Marco Bezzecchi que fugiu aos seus perseguidores e a 17 voltas do fim tinha já uma vantagem superior a cinco segundos sobre os seus mais diretos adversários.

Com Bezzecchi isolado na frente da corrida, as atenções centravam-se na luta pelos restantes lugares do pódio, onde a luta era apertada entre Fabio Di Giannantonio, Aron Canet (Estrella Galicia 0,0) e Jaume Masia (Bester Capital Dubai) e  que a 13 voltas do final levou Masia a saltar de quarto para segundo numa assentada, o que foi só fogo de palha já que Fabio Di Giannantonio voltou a ocupar o segundo  lugar na volta seguinte e Aron Canet voltou a ser terceiro com Masia caindo para quarto.

Na frente, Marco Bezzecchi, não facilitava , mantendo toda a concorrência à distância, deixando todo o interesse da corrida centrado na luta pelo segundo e terceiro lugar do pódio, onde as mudanças de posição eram uma constante.

Assim a cinco voltas do final Aron Canet assumiu a segunda posição numa ultrapassagem no final da reta de chegada a Di Giannantonio, que respondeu de imediato mas a não conseguiu despachar o piloto espanhol da Estrella Galicia 0,0.

A duas voltas do final um toque entre Jaume Masia e Fabio Di Giannantonio, acabaria por deixar o piloto da Bester Capital Dubai, fora da luta pelos lugares do pódio, ao sofrer uma queda sem consequências.

No final, vitória para Marco Bezzecchi, a primeira em Moto3, depois de liderar esta segunda etapa da temporada de início ao fim, enquanto Aron Canet, foi segundo a 4,689s de Bezzecchi, e Fabio Di Giannantonio ocupou o lugar mais baixo do pódio a 5,963s do vencedor.

O top cinco ficou completo com Enea Bastianini que foi quarto na frente de Adam Norrodin (Petronas Sprinta Racing), o quinto a 9,112s .

Com estes resultados Aron Canet é o novo líder do Mundial de Moto3 com 40 pontos, seguido por Jorge Martin com 30 pontos e Marco Bezzecchi com 27 pontos na terceira posição.

A próxima etapa do Mundial de Moto3 está agendada para 22 de abril, é o GP da Américas que será disputado no Texas.

Classificação final

screenshot-22

Fonte: https://www.motosport.com.pt

Anúncios
Esse post foi publicado em Competições, Motociclismo e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s