KAWAKAMI DISPUTA PRÉ-TEMPORADA DO RED BULL MOTOGP ROOKIES CUP

KAWAKAMI DISPUTA PRÉ-TEMPORADA DO RED BULL MOTOGP ROOKIES CUP

Brasileiro prepara-se para cinco dias de testes em Jerez de La Frontera depois de estreia na categoria Moto3 do FIM CEV Repsol em Portugal

e9d38ce4d4b01467ea6306033757883f

Kawakami largou em 29º e figurava em 15º quando abandonou a primeira etapa do FIM CEV Repsol em Portugal – Foto: Manu Tormo

Num ano em que divide atenções entre dois campeonatos distintos, o brasileiro Meikon Kawakami prepara-se para o início de mais uma temporada no Red Bull MotoGP Rookies Cup. O paulista de 16 anos cumprirá na próxima semana, entre segunda (2) e sexta-feira (6), todas as sessões de testes de pré-temporada em Jerez de La Frontera, circuito espanhol que receberá nos dias 5 e 6 de maio a primeira das sete etapas do campeonato.

Parte do programa de formação de pilotos da Red Bull, o Rookies Cup tem as suas etapas desenvolvidas na programação dos eventos do Mundial de MotoGP e entra em sua 12ª temporada. Desde 2007 foram 171 pilotos inscritos representando 34 países. Kawakami disputou o campeonato do ano passado, ficando em 13º na classificação final com 65 pontos. O japonês Kasuki Masaki foi campeão com 194 pontos, 11 à frente do espanhol Aleix Viu.

A semana de treinos em Jerez dará sequência ao trabalho de Kawakami em uma temporada das mais movimentadas. O piloto brasileiro concilia o Red Bull MotoGP Rookies Cup com a disputa da classe Moto3 no FIM CEV Repsol. A primeira etapa da competição, tida como uma das mais importantes do mundo na motovelocidade, aconteceu no último domingo (25) no circuito português de Estoril. Não foi uma etapa positiva para o piloto brasileiro.

“Tive uma boa evolução durante a corrida, mas cometi um erro faltando duas voltas para o fim, o que me deixou triste”, narrou o piloto, que sofreu uma queda na 15ª das 17 voltas da prova em Estoril, vencida pelo italiano Manuel Pagliani, da Leopard Junior. Kawakami, que compete pela LaGlisse Academy com uma moto Husqvarna, largou em 29º e, proposto a uma prova de evolução do pelotão, estava em 15º quando caiu e teve de abandonar.

“No treino classificatório acabei não conseguindo completar nenhuma volta limpa, o que me impediu de aproveitar melhor os pneus mais macios. Em 29º no grid, foquei 100% em ganhar posições. Vinha sendo uma corrida boa”, avaliou o brasileiro. Sua melhor volta na prova, em 1min49s263, ficou 0s624 do melhor tempo de Pagliani, que venceu a prova. “Não foi desta vez, mas sigo trabalhando em busca do nosso objetivo, que é estar entre os melhores”.

Aos 16 anos, Kawakami vem desenvolvendo sua carreira nas pistas da Europa desde 2014. Ele vai disputar o título da categoria Moto3 Junior World Championship pilotando a moto Husqvarna número 83 da Laglisse Academy, com patrocínio de PlayStation e Gangster e apoio de Alpinestars, X-Lite, Index Change e Siemaco. A segunda etapa do FIM CEV Repsol será disputada no dia 29 de abril no Circuito Ricardo Tormo, em Valência, na Espanha.

Fonte: Grelak Comunicação

Anúncios
Esse post foi publicado em Competições, Motociclismo e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s