ÚLTIMA ETAPA DO BRASILEIRO DE ENDURO FIM

ÚLTIMA ETAPA DO BRASILEIRO DE ENDURO FIM

Chegou a hora do principal desafio do ano no Enduro FIM para a equipe Orange BH KTM

20160627115852

Ian Blythe acelera para manter o número 1 em sua KTM – Foto: Janjão Santiago / Y.Sports

Um dos palcos mais tradicionais da modalidade no país, a cidade paulista de Itupeva, recebe neste fim de semana a última etapa do Brasileiro Borilli, nas trilhas em torno do Shopping SerrAzul. E se um troféu já está garantido na galeria por antecipação (o de Pélmio Simões, na Over 45), vários outros podem ficar também com o time mineiro e suas máquinas laranjas.

O norte-americano Ian Blythe lidera na classificação geral e na E2 (motos quatro tempos entre 251 e 450cc e dois tempos até 250cc) e promete uma pilotagem consistente e inteligente para confirmar os dois títulos e a condição de bicampeão. E se o atual campeão brasileiro na EJ (Júnior) Bruno Crivilin não poderá acelerar no fim de semana, já que ainda se recupera de cirurgia no joelho – vai torcer para os companheiros de equipe em Itupeva – o também capixaba Patrick Capila representa a equipe na categoria e acelera para confirmar um lugar no pódio final do campeonato.

Pélmio Soares corre sem a pressão do resultado mas, nem por isso pretende aliviar a mão do acelerador e não quer ter a faixa carimbada. Um dos principais nomes da E3, o várias vezes campeão brasileiro Luiz Felipe Braga Bastos foi obrigado a ficar de fora superado por um adversário extra-pista, um cálculo renal, mas também estará na torcida.

O percurso escolhido para a prova terá cerca de 40 quilômetros por volta, com três especiais: dois Enduro Testes (ET), com 5,3km e 5,5km e um Cross Teste (CT) de 3,8km. No sábado serão quatro voltas e, no domingo, três.

Guto Constantino (chefe da equipe): Agora é a hora de coroar todo o trabalho feito na temporada, os treinos, a preparação e o desenvolvimento das motos. O objetivo de nosso planejamento era justamente de conquistar os títulos brasileiros no maior número de categorias possível e, além do resultado do Pélmio, campeão antecipado, o Ian tem tudo para levar a coroa na E2 e na geral. É uma pena que o Bruno e o Luiz Felipe não tenham condições de competir, mas faz parte do esporte, e todos que estão aqui têm condição de representar bem o time e lutar pela vitória”.
Fonte: Rodrigo Gini Madeira

Anúncios
Esse post foi publicado em Competições, Enduro. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s